Na assembléia que ocorreu ontem (09/03) no Paraná Clube, professores da rede municipal de Curitiba aprovaram greve por tempo indeterminado a partir de 15 de março.
A principal causa da paralisação é a Reforma da Previdência. E para participar da luta, os professores decidiram suspender as aulas. Além disso, será cobrado do prefeito Rafael Greca, a implantação do Plano de Carreira, contratação e melhores condições de trabalho.

guazelli

Todos Posts

Comentar

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *