A Operação Grande Hermano, realizada em Antonina nesta quinta-feira (23/03), prendeu dois ex-vereadores, o ex-prefeito e um assessor do ex-prefeito.
O Ministério Público apurou em suas investigações crimes de corrupção ativa e passiva e de associação criminosa. Foi constatado que o ex-prefeito pagava “mensalinhos” para os vereadores para ter a maioria a seu favor na Câmara. Os dois vereadores presos inclusive votaram a favor do prefeito em um processo de cassação que sofreu.

guazelli

Todos Posts

Comentar

O seu endereço de e-mail não será publicado.