Nesta quinta-feira, o Tribunal Regional Federal da 4ª Região, em Porto Alegre, concedeu uma liminar que dispensa o ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva de comparecer aos 87 depoimentos de testemunhas convocadas em sua defesa.
Para a defesa de Lula, a exigência do comparecimento é visto como tratamento diferenciado em relação às testemunhas de acusação. Então, os advogados pediram que a presença do ex-presidente seja facultativa e, não, obrigatória.

Foto: Marcelo Camargo

guazelli

Todos Posts

Comentar

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *