Protesto pela derrubada das reformas Trabalhista e da Previdência no Congresso e a saída do saída do presidente Michel Temer, chamado de Ocupa Brasília, acaba em tumulto.
Fachadas e vidros de vários prédios da Esplanada dos Ministérios foram danificados, houve também registro de incêndio na área interna do Ministério de Agricultura. O presidente da Câmara, Rodrigo Maia, autorizou atuação das Forças Armadas, através da ação de garantia da lei e da ordem, de 2013.
Com as bombas, os manifestantes estão recuando aos poucos. São 25.000 manifestantes, segundo a Polícia Militar, e 100.000 pessoas, de acordo com os organizadores.

Foto: Jorge William

guazelli

Todos Posts

Comentar

O seu endereço de e-mail não será publicado.