Nesta terça-feira (13/06) a 1ª Turma do STF (Supremo Tribunal Federal), decidiu por 3 votos a 2, manter a prisão de Andrea Neves, irmã do senador Aécio Neves (PSDB-MG).
Votaram pela manutenção da prisão os ministros Luís Roberto Barroso, Rosa Weber e Luiz Fux. Foram vencidos no julgamento os ministros Marco Aurélio Mello (relator do caso) e Alexandre de Moraes.
Andrea foi presa no dia 18 de maio, antes do julgamento, pois teria sido denunciada pela suposta prática de corrupção. Em fevereiro, ela pediu ao empresário Joesley Batista R$ 2 milhões, dinheiro que foi repassado depois em malas de dinheiro a um primo de Aécio.

Foto: Cristiane Mattos

guazelli

Todos Posts

Comentar

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *