Na tarde desta terça-feira (27/06) o presidente Michel Temer afirmou em seu pronunciamento que não há provas concretas na denúncia por corrupção passiva contra ele, que a peça acusatória é uma “ficção” e que é vítima de infâmia.
Foi a primeira fala de Temer desde que a denúncia foi apresentada ao STF pela Procuradoria Geral da República, na noite desta segunda (26/06).

guazelli

Todos Posts

Comentar

O seu endereço de e-mail não será publicado.