Nesta quinta-feira (14/09) o procurador-geral da República, Rodrigo Janot, apresentou ao Supremo Tribunal Federal (STF), uma nova denúncia contra o presidente Michel Temer, desta vez pelos crimes de obstrução à Justiça e organização criminosa.
Também foram denunciados os ministros Moreira Franco (Secretaria de Governo) e Eliseu Padilha (Casa Civil), além dos ex-deputados do PMDB Eduardo Cunha (RJ), Geddel Vieira Lima (BA) e Henrique Eduardo Alves (RN), todos presos na Operação Lava Jato. Também foi denunciado o ex-deputado e ex-assessor presidencial Rodrigo Rocha Loures.
O empresário Joesley Batista, um dos donos do grupo J&F, e o executivo Ricardo Saud, ambos delatores da Operação Lava Jato, estão entre os denunciados, mas somente pelo crime de obstrução de Justiça.
O STF somente poderá analisar a denúncia contra Temer se a Câmara autorizar. Em agosto, a Câmara rejeitou a primeira denúncia de Janot contra Temer, por corrupção passiva.

guazelli

Todos Posts

Comentar

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *