O PSDB anunciou nesta quinta-feira (05/10) que tirou o deputado Bonifácio de Andrada (MG) da vaga do partido na Comissão de Constituição e Justiça da Câmara. Andrada é o relator da segunda denúncia contra o presidente Michel Temer.
Para o deputado continuar na relatoria, outro partido da base tem que ceder a ele uma vaga na CCJ. O PSDB disse que vai sugerir essa solução ao presidente da comissão, Rodrigo Pacheco (PMDB-MG).
Andrada ressaltou no Senado que não concordou com a atitude do partido, mas disse que vai aceitar ocupar a vaga de outra sigla na CCJ para continuar relatando a denúncia.

guazelli

Todos Posts

Comentar

O seu endereço de e-mail não será publicado.