Secretaria de Comunicação Social da Presidência da República informou que o presidente Michel Temer determinou nesta terça-feira (16/01) o afastamento de 4 dos 12 vice-presidentes da Caixa Econômica Federal.
Temer tomou a decisão após recomendações do Ministério Público Federal do Distrito Federal e do Banco Central. As recomendações têm como base suspeitas de corrupção na Caixa investigadas pelo MPF e pela Polícia Federal.
Deflagrada em 2016, a Operação Greenfield investiga desvios em fundos de pensão de bancos e de estatais.
Por meio dessa investigação, a PF e o MPF descobriram irregularidades no Fundo de Investimentos do FGTS (FI-FGTS), vinculado à Caixa, e deflagraram uma segunda operação, batizada de Sépsis.
Os vice-presidentes afastados foram: Deusdina Pereira, Roberto Derziê, José Henrique Marques da Cruz e Antônio Carlos Ferreira.

guazelli

Todos Posts

Comentar

O seu endereço de e-mail não será publicado.