O Instituto Nacional de Seguridade Social (INSS) cancelou, entre agosto de 2016 ao fim do ano passado, pouco mais de 92% dos auxílios-doença e aposentadorias que foram revisados no Paraná. O total de benefícios que, com a revisão, o órgão deixa de pagar equivale a R$ 279,7 milhões por ano. No Brasil inteiro, mais de 226 mil auxílios ou aposentadorias foram cassados, o que equivale a 90% das perícias analisadas.
Segundo levantamento divulgado pelo INSS, foram realizadas 20.635 perícias em benefícios concedidos no Paraná, dos quais 19.101 foram cessados. Para 2018, a meta do Ministério do Desenvolvimento Social (MDS) é revisar 1,2 milhão de benefícios em todo o Brasil.
Até agora, o MDS aponta que o programa de revisão dos benefícios provocou uma economia de R$ 5,7 bilhões anuais. Se a meta o ritmo das revisões forem mantidas, a expectativa é de que as cifras cheguem a R$ 20 bilhões. Só em 2018, o objetivo do governo federal é realizar 1,2 milhão de perícias de revisão em auxílios-doença e aposentadorias por invalidez concedidas pelo INSS.

guazelli

Todos Posts

Comentar

O seu endereço de e-mail não será publicado.