Nesta manhã de segunda-feira (22/01), o ministro da Saúde, Ricardo Barros, foi até a Assembléia Legislativa do Paraná (Alep), para conversar com Traiano sobre a sucessão ao Palácio Iguaçu.
Após notas publicadas pela imprensa sobre a saída ou não de Richa do governo para se candidatar a Senado, gerou um “mau estar” entre o ministro e os aliados do governador.
O presidente da Assembleia, deputado Ademar Traiano (PSDB) disse ao ministro da Saúde Ricardo Barros (PP) que está discutindo, dentro do partido (PSDB) o processo da sucessão estadual, avaliando alianças políticas e mantendo encontros com os principais protagonistas das eleições deste ano no Paraná.

guazelli

Todos Posts

Comentar

O seu endereço de e-mail não será publicado.