O atual procurador-geral de Justiça, Ivonei Sfoggia, obteve a maior votação na eleição do Ministério Público, que acaba de ser concluída, 625 votos. A candidata de oposição, Fernanda Garcez, obteve 265 votos e não comporá a lista tríplice que segue para o governador Beto Richa fazer a escolha. Leonir Batisti obteve 427 votos, Marcos Fowler 265 e a candidata independente, Maria Aparecida Losso, 46.
A vitória de Ivonei Sfoggia, que teve o apoio do ex-procurador geral Olympio de Sá Sotto Maior, mostra que a decisão mais polêmica e mais política no exercício do cargo não teve influência na corporação. Sfoggia afastou o promotor Carlos Alberto Choinski, responsável pelas investigações da Operação Quadro Negro no momento em que o governador Beto Richa deveria ser notificado de que estava citado em inquérito por improbidade pelo desvio de R$ 20 milhões que deveriam financiar construção e reforma de escolas públicas.

guazelli

Todos Posts

Comentar

O seu endereço de e-mail não será publicado.