O deputado Marcio Nunes (PSD) acusa o governo de Cida Borghetti de estar fazendo o Paraná voltar aos tempos do coronelismo, com desenfreado uso do nepotismo e com discriminação aos parlamentares que não compartilham do mesmo pensamento.
O deputado fez seu discurso na tribuna normalmente usada pela bancada da oposição, à esquerda no plenário, em tom ameaçador: “se é este o jogo que o governo quer jogar, este é o jogo que vamos fazer”.
Ele se referia principalmente ao fato de a Casa Civil estar exigindo de prefeitos que “mudem de deputados” se quiserem ter liberados os recursos de convênios firmados no governo passado. Se o deputado com mando político em determinado município não pertencer a partido da aliança que apoia a reeleição de Cida Borghetti, o município não receberá a verba. A menos que o prefeito escolha como seu representante outro deputado, fiel ao grupo de apoio à governadora.
Marcio Nunes é do PSD, mesmo partido de Ratinho Jr., candidato a governador e potencial adversário de Cida na disputa eleitoral de outubro.

guazelli

Todos Posts

Comentar

O seu endereço de e-mail não será publicado.