O juiz auxiliar Ricardo Augusto Reis de Macedo, do Tribunal Regional Eleitoral (TRE), atendeu pedido do deputado federal Fernando Francischini (PSL-PR) e concedeu acesso ao sistema interno de controle, verificação e fiscalização de coleta de dados da pesquisa realizada pela empresa Tonkovitch & Tonkovitch Pesquisas LTDA/ Arbeit Pesquisas.
Francischini afirmou que tão logo tiver acesso aos dados do instituto de pesquisa vai solicitar uma perícia para saber se houve alguma fraude nos números divulgados e/ou manipulação dos dados. “Existe a suspeita de fraude uma vez que o resultado mostrado por este instituto de pesquisa são diametralmente contrários aos que estão sendo divulgados por grandes empresas de pesquisa que apresentam um empate técnico entre os candidatos ao Senado”, disse Francischini via assessoria.
Na semana passada, os advogados de Francischini ingressaram com um pedido na Justiça requerendo os dados da pesquisa divulgada pelo Instituto Arberti Intelligence. Francischini suspeita de fraude nos números divulgados e manipulação de dados. “Divulgar pesquisa fraudada é um atentado à democracia para ludibriar o eleitor”, aponta.

Fonte: Bem Paraná

guazelli

Todos Posts

Comentar

O seu endereço de e-mail não será publicado.