O candidato derrotado no primeiro turno da eleição presidencial, José Maria Eymael (DC), publicou uma mensagem em seu perfil no Facebook declarando apoio ao candidato do PT, Fernando Haddad, após as declarações do deputado Eduardo Bolsonaro, filho de Jair Bolsonaro (PSL), virem a público. Segundo Eymael, os comentários “afastam qualquer possibilidade de neutralidade”.

“Proponho ao Candidato a Presidente, Fernando Haddad, que ULTRAPASSE as fronteiras do PT e firme, com as Lideranças Político Partidárias Democráticas do País, o PACTO NACIONAL PELA DEMOCRACIA NO BRASIL!”, declarou o Eymael, que obteve 41.710 votos no primeiro turno, sendo o 12º e penúltimo colocado, com 0,04% dos votos válidos.

O candidato derrotado no primeiro turno da eleição presidencial, José Maria Eymael (DC), publicou uma mensagem em seu perfil no Facebook declarando apoio ao candidato do PT, Fernando Haddad, após as declarações do deputado Eduardo Bolsonaro, filho de Jair Bolsonaro (PSL), virem a público. Segundo Eymael, os comentários “afastam qualquer possibilidade de neutralidade”.
“Proponho ao Candidato a Presidente, Fernando Haddad, que ULTRAPASSE as fronteiras do PT e firme, com as Lideranças Político Partidárias Democráticas do País, o PACTO NACIONAL PELA DEMOCRACIA NO BRASIL!”, declarou o Eymael, que obteve 41.710 votos no primeiro turno, sendo o 12º e penúltimo colocado, com 0,04% dos votos válidos.

Fonte: UOL

guazelli

Todos Posts

Comentar

O seu endereço de e-mail não será publicado.