O senador Paulo Rocha (PT-PA) criticou nesta quarta-feira (21), em Plenário, o aumento em 82% das queimadas na Amazônia entre janeiro e agosto de 2019, em comparação com o mesmo período do ano passado.

Essa ação tem influência em todo o mundo, ressaltou o parlamentar. Exemplo disso seria o fenômeno observado na cidade de São Paulo na tarde da última segunda-feira, quando o dia ficou escuro por causa da combinação de fumaça originária da Amazônia com uma frente fria vinda do Atlântico.

Na opinião de Paulo Rocha, o governo ignora esses fatos e, com isso, tem entrado em conflito com organismos internacionais e lideranças estrangeiras que apoiam o financiamento de ações em defesa do meio ambiente.

— O senhor presidente está prestando um desserviço para a nossa nação, brigando com nações parceiras e também está colocando em risco os nossos próprios negócios. Estão aí os grandes produtores reclamando dessas provocações do presidente da República, porque está colocando em risco os nossos próprios negócios, o nosso desenvolvimento.

Agência Senado.

Imagem: Waldemir Barreto.

guazelli

Todos Posts

Comentar

O seu endereço de e-mail não será publicado.