O presidente Jair Bolsonaro cancelou a ida do ministro da Cidadania, Osmar Terra, à posse do presidente eleito na Argentina, Alberto Fernández, em evento que ocorre amanhã (10). De acordo com o jornal El Clarín, o ministro também se reuniria com empresários do país vizinho e com Daniel Scioli, ex-vice presidente da Argentina e embaixador no Brasil, para traçar pautas bilaterais.

Bolsonaro teria se incomodado com a presença do presidente da Câmara dos Deputados, Rodrigo Maia (DEM) na missão parlamentar a Buenos Aires na última quinta-feira (5), reiterou a Fernández que espera “boas relações” entre os governos. O encontro, no entanto, não estava previsto.

Maia liderou uma comitiva pluripartidária com os deputados Aguinaldo Ribeiro (PP-PB), Paulo Pimenta (PT-RS), Baleia Rossi (MDB-SP), Eumar Nascimento (DEM-BA), Orlando Silva (PCdoB-SP) para se encontrarem com o peronista Sergio Massa, que deverá assumir a Presidência do Parlamento argentino.

Revista Fórum.

guazelli

Todos Posts

Comentar

O seu endereço de e-mail não será publicado.