Em nota enviada a imprensa hoje, 25 de setembro, a TV Bandeirantes rebateu as declarações de Rafael Greca – ode ele disse que a emissora não tomou cuidados sanitários para o debate da semana que vem. Confira a nota abaixo:

A Rede Bandeirantes de Televisão do Paraná vem por meio desta informar que realizou uma reunião com todos os representantes dos candidatos à Prefeitura de Curitiba para definir as regras dos debates que serão realizados nos dias 01 e 14 de outubro do corrente ano. Além das regras relativas especificamente ao debate, ficou definido que, em razão da pandemia de COVID – 19, os candidatos deverão permanecer de máscara durante todo o debate, tirando-as somente nos momentos em que forem perguntar ou responder. Cada candidato e seus dois assessores também devem apresentar resultado de exame negativo para COVID-19 – PCR – feito no máximo sete dias antes dos debates.

Além disso, no estúdio e no interior da Emissora ficará à disposição álcool em gel e líquido, sendo obrigatório o cumprimento das regras de distanciamento social nos exatos ditames exigidos pela Prefeitura Municipal de Curitiba para reabertura de feiras livres e comércio em geral e para o uso do transporte público. Ressalta-se que o estúdio da Band Paraná tem 128m2 e, assim, possui plenas condições de manter o distanciamento social sugerido pela Vigilância Sanitária. De mais a mais, a distância mínima entre os candidatos será de um metro meio e, ainda, entre os púlpitos, será instalada uma divisória de acrílico de 1,90m de altura por 1,00m de largura. Outrossim, a porta de emergência do estúdio ficará aberta para manter a circulação do ar e os aparelhos de ar condicionado permanecerão desligados.

Além disso, estavam presentes na supramencionada reunião representantes de 15 (quinze) dos 16 (dezesseis) candidatos à Prefeitura de Curitiba e todos concordaram com os procedimentos sanitários propostos pela Emissora.

Diante disso, as declarações prestadas pelo atual Prefeito de Curitiba e candidato à reeleição, Rafael Greca (DEM), veiculadas em um vídeo através de uma rede social não condizem com a realidade, já que seu representante esteve presente na reunião realizada na data de ontem (23/09/2020) e em nenhum momento fez críticas sobre o local do debate ou sobre as determinações impostas pela Emissora, tampouco fez qualquer sugestão sobre as normais de prevenção à COVID-19.

Por fim, mas não menos importante, deve-se destacar que a Emissora, de modo a proteger e preservar a saúde de seus colaboradores, vem adotando todas as medidas possíveis e recomendadas pelas autoridades de saúde.

Serão duas datas para os debates: 1º de outubro e 14 de outubro. No primeiro dia estão marcados: Marisa Lobo (Avante), João Arruda (MDB), Renato Mocellin (PV), Paulo Opuszka (PT), João Guilherme (Novo), Camila Lanes (PCdoB) e Fernando Francischini (PSL).

No segundo dia, marcado para 14 de outubro, deverão participar Christiane Yared (PL), Goura (PDT), Professora Samara (PSTU), Zé Boni (PTC), Diogo Furtado (PCO), Caroline Arns (PODEMOS), Letícia Lanz (Psol) e Eloy Casagrande (Rede).

Reportagem: Pedro Lima.

guazelli

Todos Posts

Comentar

O seu endereço de e-mail não será publicado.