A lei determina que o meio ambiente é um direito fundamental da sociedade, e a água é um dos principais recursos ambientais. Ela embora seja renovável, é limitada. E cabe ao Ministério Público zelar por este patrimônio, ainda que tenha certo aproveitamento da fonte, o aumento da população mundial e o uso na agricultura e na indústria pode ser motivo de preocupação.
A água como bem de domínio público está sujeita à cobrança quando usada para fins econômicos. Sendo assim, é proibido a posse particular de jazidas e minas.
Conhecida como a essência da vida, cabe a população campomagrense lembrar de preservá-la não apenas no Dia Mundial da Água, mas sim no próprio dia a dia, cuidando dos seus tantos rios, nascentes e mananciais do município e evitando o desperdício.
Já ao Poder Público Municipal, cabe incentivar empresas e entidades sobre tal importância da preservação, proporcionando assim, eventos e promoções da Semana Municipal da Água.

Acompanhe na íntegra o artigo de Sérgio Leite:

DIA MUNDIAL DA ÁGUA

guazelli

Todos Posts

Comentar

O seu endereço de e-mail não será publicado.