O juiz federal Sérgio Moro, condenou nesta quinta-feira (30/03) o ex-presidente da Câmara Eduardo Cunha (PMDB-RJ), a 15 anos e 4 meses de prisão pela Operação Lava Jato.
Foi condenado por corrupção passiva por pedido e recebimento de vantagem indevida no contrato de exploração de petróleo em Benin, por três crimes de lavagem de dinheiro e dois crimes de evasão fraudulenta de divisas.
Em sua primeira condenação, Eduardo Cunha está preso desde 19 de outubro. Atualmente, no Complexo Médico-Penal em Pinhais, Região Metropolitana de Curitiba.

Foto: Fabio Motta

guazelli

Todos Posts

Comentar

O seu endereço de e-mail não será publicado.