O ministro do Supremo Tribunal Federal (STF), Luiz Edson Fachin, liberou o ex-deputado federal Rodrigo Rocha Loures (PMDB-PR) da prisão preventiva, nesta sexta-feira (30/07).
A ordem é que Loures use tornozeleira eletrônica e permaneça em casa das 20h às 6h, finais de semana e feriados.
Além disso, ficará proibido de contato com outros investigados e de deixar o país, devendo se apresentar à Justiça sempre que requisitado.

guazelli

Todos Posts

Comentar

O seu endereço de e-mail não será publicado.