Seis servidores que trabalharam na Câmara Municipal de Curitiba, apresentaram uma denúncia acusando a vereadora Katia Dittrich (Solidariedade) de exigir parte do salário dos comissionados para mantê-los no cargo.
Serginho do Posto (PSDB), disse que serão instauradas sindicâncias para apurar os fatos denunciados pelos ex-assessores da vereadora.
Katia Dittrich decidiu se posicionar apenas por nota oficial. No texto, ela afirma que não foi notificada oficialmente pela Câmara e que não vai se pronunciar até ter acesso às acusações.

guazelli

Todos Posts

Comentar

O seu endereço de e-mail não será publicado.