A Petrobrás é alvo da nova etapa da Operação Lava Jato, deflagrada nesta sexta-feira (20/10). Agentes da Polícia Federal cumprem 10 mandados judiciais decorrentes de investigação que tramita perante a 13ª Vara Federal de Curitiba, sob tutela do juiz federal Sérgio Moro.
De acordo com as investigações, há indícios concretos de que um grupo de gerentes da Petrobrás uniram-se para beneficiar a Odebrecht em contratações com a petroleira, mediante o pagamento de valores de forma dissimulada em contas de empresas off-shores estabelecidas no exterior.
Um dos alvos de mandado de prisão é o ex-gerente executivo da área Internacional da Petrobrás Luis Carlos Moreira.
Os investigados responderão pela prática dos crimes de associação criminosa, corrupção e lavagem de dinheiro.

guazelli

Todos Posts

Comentar

O seu endereço de e-mail não será publicado.