O diretor-geral da Polícia Federal, Fernando Segovia, afirmou nesta quarta-feira (10/01) que a corporação pretende concluir até o fim deste ano as mais de 200 investigações sobre políticos e autoridades em andamento no Supremo Tribunal Federal (STF).
A meta foi anunciada à imprensa após uma reunião do diretor com a presidente da Corte, Cármen Lúcia. No encontro, Segovia confirmou a ampliação, de 9 para 17, do número de delegados que atuam nos inquéritos.
Ele informou ainda que os inquéritos da polícia em andamento no STF não são só da Operação Lava Jato.

guazelli

Todos Posts

Comentar

O seu endereço de e-mail não será publicado.