Com 180 dias de mandato do prefeito Rafael Greca (PMN), o Instituto Paraná Pesquisas entrevistou 811 eleitores entre os dias 26 e 28 de junho e chegou ao resultado de que quase 70% dos curitibanos desaprovam a sua gestão.
Para conseguir um número tão alto de desaprovação, Greca conseguiu a inimizade dos sindicalistas e servidores aprovando à força do pacotaço que prevê o confisco de R$ 700 milhões da previdência municipal e o cancelamento da data-base do funcionalismo. Além de cumprir nenhuma das promessas que afirmou fazer em 180 dias ou até em menos tempo.

guazelli

Todos Posts

Comentar

O seu endereço de e-mail não será publicado.